Como elaborar recursos para provas objetivas?

Nem sempre a resposta dada como correta pela banca está de acordo com o que você considera correto. Isso é muito comum, principalmente quando o enunciado é dúbio ou redação das alternativas mal escrita. Contra essas arbitrariedades da banca há a possibilidade de interposição de recursos com datas, prazos e procedimentos previstos no edital. Algumas dicas para redigir o recurso:

1. NUNCA ofenda, ainda que com indiretas, o examinador. Descarregar a raiva nele só piora, e a chance de que ele considere seu recurso é quase nula.

2. Tenha uma redação impecável, sem erros de português, evitando o uso de uma linguagem muito rebuscada. Se você achar necessário, peça uma segunda pessoa para que o leia antes do envio.

3. Redija um texto denso, ou seja, com bom embasamento teórico, mas não muito longo, pois o examinador tem outras centenas de recursos para ler.

4. Bibliografia: para embasar use a bibliografia mais aceita. Não invente de querer pegar um autor desconhecido / corrente minoritária só para defender sua tese, porque isso não vai colar. Faça as citações corretamente.

5. Deixe BEM CLARO o que você quer com o recurso: anulação da questão ou mudança do gabarito.

6. Faça o SEU recurso. Não adianta querer copiar o texto feito por um professor ou por outros concurseiros. Você pode até usar o mesmo embasamento teórico, mas deixe de preguiça e faça seu próprio texto.

7. Não use argumentos genéricos, nem tente dar o “migué”, dizendo que o tema da questão não está previsto no edital (a não ser que seja um caso absurdo). Tática velha e batida. Ninguém cai mais nessa.

Lembre-se que, mesmo que seu recurso esteja extremamente bem fundamentado e bem redigido, ainda há um elemento subjetivo, e a banca pode simplesmente não o considerar.

Ah, por fim, é importante dizer que um recurso para uma questão objetiva é BEM diferente de um para uma questão aberta / redação (em post futuro falarei deste último caso).


Abraço!


E aí, tudo bem? Para você que ainda não me conhece, meu nome é Henrique. Sou de BH, formado em Engenharia Elétrica e pós-graduado em Gestão Estratégica e BI. Fui aprovado em alguns concursos e agora me dedico a ajudar você concurseiro(a)! Ah, importante ressaltar que sou viciado em esquematizar assuntos complicados

RESUMO  GRATUITO  

DIREITO CONSTITUCIONAL


Uma das matérias mais cobradas em concursos públicos não pode ficar de fora! Baixe GRATUITAMENTE o resumo completo da disciplina. Confira como seus estudos podem ser muito mais rápidos e eficazes com um conteúdo focado no que cai em prova 👇

MAIS DICAS DE CONCURSO

Comecei a estudar e não estou entendendo nada!
Fala, pessoal, tudo bem?   Esse post vai especialmente para quem está começando a estudar...
Você é insistente ou persistente?
Fala galera, tudo tranquilo?   E aí, você sabe a diferença entre persistir e insistir?...
Nunca mais perca suas anotações!
Pessoal, tudo bem?   Hoje vou dar uma dica rápida que eu gostaria de ter...
Desvantagens do tablet nos estudos
E aí, pessoal, tudo bem?   Alguns posts atrás falei sobre o uso de tablet...
O que avaliar em um edital de concurso?
Fala pessoal, tudo bem?   “O que não é visto, não é lembrado”. Já ouviu...
Romantização dos concursos
E aí galera, tudo bem?   Esse post é mais um desabafo do que algo...

Postagem anterior Postagem seguinte


Deixe um comentário

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados